28/01/2021 às 16h30min - Atualizada em 28/01/2021 às 18h20min

Quatro estratégias que ajudam na saúde mental

Tomar sol, aproveitar o tempo em casa e fazer exercícios estão entre as recomendações do Freeletics

SALA DA NOTÍCIA Isabela Rodrigues

Manter-se positivo e motivado pode ser difícil, especialmente diante dos meses desafiadores que o mundo todo tem enfrentado - e que provocaram impactos psicológicos e emocionais em muitas pessoas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 9,3% da população brasileira sofre de ansiedade, e 5,8% lida com a depressão, segundo a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Para Liora Bels, especialista em bem-estar do Freeletics, aplicativo líder em exercícios físicos e estilo de vida com uso de inteligência artificial, cuidar da saúde  mental e da forma física pode ser uma opção para lidar com momentos difíceis. “Você fica mais saudável quando está mais feliz, mas nem sempre é fácil manter a positividade, principalmente agora. Às vezes, é preciso um pouco de esforço e autocuidado para desbloquear esses sentimentos”, explica. 

“Fazer pequenas alterações ao longo do tempo é o segredo, pois temos uma probabilidade muito maior de formar alguns hábitos de autocuidado que sejam positivos e duradouros. Isso ocorre porque pequenas mudanças são muito mais fáceis de implementar do que mudanças drásticas. E essas adaptações podem ajudar a lidar com momentos como o que estamos vivendo”, completa.

Com o objetivo de ajudar a aliviar a tensão e trazer equilíbrio ao dia a dia, a especialista do Freeletics listou algumas estratégias para lidar com momentos desafiadores de maneira mais positiva e tranquila. 

1) Encontre prazer em atividades cotidianas

 

“Pense no café, por exemplo. Você toma uma xícara de tempos em tempos para se manter acordado. Mas e se você transformasse essa atividade diária, que geralmente passa despercebida, em um momento de alegria? E se você aproveitasse esse tempo para realmente saboreá-lo?”, pontua Liora. “Encontre um lugar confortável com uma boa vista para se sentar e dedique algum tempo a realmente aproveitá-lo. Sinta o cheiro, o gosto”, explica. E a especialista indica: isso vale para outras atividades cotidianas: prepare um almoço incrível, escolha um caminho diferente para voltar do mercado. “Dedique um pouco mais de tempo às pequenas coisas da vida e veja o grande impacto que isso terá”, destaca.

2) Tome sol

Não há dúvidas de que o sol pode nos manter saudáveis, mas existem alguns benefícios importantes que a luz natural ao ar livre oferece, como vitamina D suplementar, bom humor, sono de melhor qualidade e diminuição da pressão sanguínea.

“Quando um indivíduo não recebe luz solar suficiente durante o dia, isso pode alterar seu ritmo circadiano (nosso relógio biológico que regula nosso sono), levando ao transtorno de humor”, explica a especialista. A recomendação é receber uma dose diária de luz solar. “Especialmente treinar ao ar livre, se possível, pode ajudar a garantir que seu humor permaneça estável e que seu corpo fique em uma condição que promova sua felicidade. 30 minutos por dia ao sol, se possível, é a quantidade ideal. Não precisa estar necessariamente com luz direta em todos os momentos; apenas estando ao ar livre, mesmo em um dia nublado, já pode ser suficiente”, destaca. 

 

3) Aproveite os fins de semana, mesmo em casa

 

Para Liora, os fins de semana devem ser aproveitados, mesmo em casa, durante o isolamento social. “Levante cedo, faça uma caminhada em seu bairro. Teste uma nova receita. Veja uma série nova. É sua hora de descansar, aproveite-a ao máximo”, completa.

 

4) Faça exercícios

 

A especialista alerta: para se sentir otimista, feliz e saudável instantaneamente, não há nada melhor do que o esporte. “É simples assim. Um jeito de liberar o estresse, esquecer o estresse da vida cotidiana. No momento em que você treina, você não pensa em mais nada, não tem limites e está focado. Depois de treinar você sente um sentimento único, sorri sozinho, canta no chuveiro. Você se sente bem e isso é visível”, conclui.

 

Treino em casa

 

Para ajudar aqueles que querem se exercitar em casa e manter o corpo em movimento, o Freeletics elaborou quatro opções de treinos rápidos e descomplicados, que envolvem core, bíceps e o corpo inteiro. 

 

15 min - Core:

4 rodadas

Crunches reversos (Reverse crunches) - 30s

Suporte lateral da prancha (Side plank hold) - 30s

Descanso - 30s

Abdominais (Dead bug) - 30 s

Pranchas de ombro (Plank shoulder taps) - 30s

Descanso - 60s

 

15 min - Bíceps:

5 rodadas de 4 elevações, seguidas por 8 puxões com faixas, com 2-3 min de descanso entre as séries.

 

25 min - Corpo inteiro:

3 rodadas

Saltos (Jumping jacks) - 60s

Flexões diamante (Diamond pushups) - 30s

Agachamento dividido elevado (Elevated split squat) - 30s/perna

Voador invertido (Lying elbow reverse flies) - 30s

Hollow hold - 15s

Descanso - 45s

Saltos (Skipping jumps) - 60s

Flexões (Decline pushups) - 30s

Investidas laterais (Side lunges) - 30s

Superman/Arco - 30s

Abdominal crunch reverso (Corkscrew reverse crunches) - 30s

Descanso - 60s

 

35-40 - Corpo inteiro:

5 rodadas

Patinação de velocidade (Speed skaters) - 30s

Agachamento encostado na parede (Wall sits) - 60s

Linha dobrada com faixas (Banded bent-row) - 30s

Extensão traseira (Back extension) - 30s

Descanso - 30s

Flexões - 30s

Suporte de mão (Handstand hold) - 30s

Crunches - 30s

Torção da prancha lateral alta (High side plank twist H30) - 30s/lado

Descanso - 60s


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp