01/02/2021 às 10h17min - Atualizada em 01/02/2021 às 13h10min

Como previnir e tratar varizes?

SALA DA NOTÍCIA LUCAS WIDMAR PELISARI
 

O problema com varizes é bastante recorrente ao longo da história humana. Só para exemplificar, uma estátua da Grécia Antiga retrata um homem com as veias das pernas dilatadas e tortuosas… e olha que estamos falando de quatrocentos anos antes de Cristo!

A maioria das pessoas acredita que as varizes são apenas um problema estético. Porém, isso está longe de ser verdade. Elas podem evoluir e se tornar ainda mais dolorosas, assim como facilitar outros problemas de saúde relacionados à embolia.

Conhecida por atrapalhar a vida principalmente das mulheres, ela começa a aparecer por volta dos 30 anos. Existem alguns fatores que ajudam no surgimento deste problema, como hormônios, idade, etc., mas está tudo relacionado com o desgaste do mecanismo presente em nossas veias.

Quer aprender um pouco mais sobre como prevenir e tratar varizes? Aproveite para ler todas as informações deste conteúdo!

O que são varizes?

As varizes estão relacionadas a problemas no fluxo sanguíneo em nosso corpo. Aliás, elas aparecem quando há “defeito” nas válvulas das veias, as quais impedem o sangue de voltar pelo caminho que veio.

Portanto, como as pernas exigem mais esforço desse mecanismo, é nelas que as varizes mais se manifestam.

Aliás, a dificuldade é tanta que até o movimento das panturrilhas dão um “empurrãozinho” para o sangue. Assim, quando elas se contraem, as válvulas se abrem, permitindo a passagem do sangue; quando estão relaxadas, as válvulas permanecem fechadas, impedindo o regresso do mesmo.

Ao passar dos anos, esse mecanismo começa a apresentar defeito, e até mesmo as veias ficam deformadas. Por fim, as válvulas não conseguem conter o sangue, o qual se aloja nas canelas e tornozelos.

Se esse problema não for tratado, há o surgimento de feridas dolorosas no local, o que dificulta ainda mais o tratamento.

Então, é melhor procurar um Cirurgião Vascular logo nos primeiros sintomas das varizes.

Quais são os sintomas e as causas das varizes?

Pode-se dizer que é bom ficar atento às suas pernas, principalmente quanto a manchas roxas e/ou verdes. Esse é um dos primeiros sintomas das varizes, e costuma aparecer bem no início.

Além disso, ter a sensação de peso nos pés, assim como inchaço no fim do dia também representam sinais para se preocupar.

Vale lembrar que a doença vem muito antes dos sintomas, ou seja, quando você notar, ela já está acontecendo há algum tempo. Portanto, procurar por um profissional qualificado e experiente quanto antes é fundamental para o tratamento.

Outro ponto importante é o peso da genética. Ter um parente próximo com essa doença é mais um sinal para ter cuidado em dobro.

Fora isso, o envelhecimento é o fator comum no surgimento de varizes, pois, como foi dito anteriormente, elas surgem por causa do desgaste que as veias sofrem durante sua atividade natural.

O ganho de peso, por dificultar o trajeto do sangue, também é considerado um fator importante para o surgimento da doença. Além disso, os hormônios também influenciam bastante aqui, e as terapias hormonais são fatores de alto impacto.

Veja um breve resumo do que causa varizes:

  • Hormônios: Podem alterar a estrutura dos vasos sanguíneos, deixando-os mais fracos;
  • Genética: Se algum familiar próximo for acometido pela doença, suas chances também são altas;
  • Sedentarismo: Aumenta o ganho de peso e deixa a panturrilha menos vigorosa para exercer sua função;
  • Sexo: As mulheres são a maioria nos consultórios, o que pode estar relacionado a hormônios;
  • Altura: Uma pesquisa curiosa realizada pela Universidade Stanford apontou que pessoas altas têm mais chances de serem acometidas por essa doença, mas ainda faltam análises mais profundas sobre o tema.

Como prevenir?

A melhor forma de prevenir essa doença é através do cuidado com seu corpo. Dessa forma, praticar atividades físicas é essencial para melhorar sua qualidade de vida — de forma geral.

Além disso, manter uma dieta também ajuda bastante na hora de prevenir varizes — e até outras doenças. Portanto, tenha um prato colorido e, se possível, siga uma dieta modelada para seu organismo.

Vale lembrar que exercitar a panturrilha é uma ótima atividade para prevenir esse problema. Porém, evite atividades intensas demais e de alto impacto, pois elas podem acabar por desencadear a doença.

Uma caminhada longa com intervalos de corrida já está de bom tamanho!

E o tratamento, como é?

Atualmente a medicina conta com três tratamentos:

  • Cirurgia: A cirurgia é o procedimento mais comum. Em suma, remove-se a veia danificada para solucionar o problema. Fique tranquilo: isso não afeta em nada sua circulação sanguínea;
  • Ablação: A ablação consiste em queimar as paredes internas das veias doentes com o auxílio de um laser. No entanto, este procedimento só pode ser realizado em veias de maior calibre;
  • Escleroterapia: Esse tratamento consiste em utilizar a espuma de polidocanol para destruir as veias doentes. Embora seja uma técnica simples e barata, cerca de 30% dos pacientes ficam com manchas na pele devido ao tratamento.

Gostou das informações? Aproveite para compartilhar com seus amigos!


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp