08/04/2021 às 14h15min - Atualizada em 08/04/2021 às 14h15min

Governo de Goiás deve investir R$ 14 mi no Dimic

Meta é ampliar competitividade, executar obras de infraestrutura para desenvolver indústrias instaladas no parque industrial e atrair novos investidores para região

Codego - Governo de Goiás
 

O Governo de Goiás deve investir aproximadamente R$ 14 milhões em obras de infraestrutura no Distrito Mineroindustrial de Catalão (Dimic), na região Sudeste do Estado, dentro de uma proposta estratégica do governador Ronaldo Caiado para tornar o parque industrial ainda mais competitivo. A intenção é fornecer condições que propiciem a atração de novos investidores, o crescimento das mais de 60 indústrias instaladas no polo e a criação de novos empregos para o Estado.

É com esse objetivo em comum que a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego) e a Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) formatam um termo de cooperação técnica para a execução de pavimentação asfáltica, recapeamento e construção de galerias pluviais ao longo de aproximadamente 12 quilômetros de vias do Dimic. Além disso, a iluminação pública será requalificada para trazer mais segurança aos que trafegam pelo distrito no período noturno. 

Em reunião nesta segunda-feira (05/04), o presidente da Codego, Renato de Castro, e o presidente da Goinfra, Pedro Sales, alinharam os últimos detalhes para dar andamento ao projeto executivo.

Dimic

Administrado pela Codego, o Dimic possui mais de 2,4 milhões de metros quadrados de área e é considerado um dos parques industriais mais importantes do Estado. A localização privilegiada, às margens da BR-050, facilita o escoamento da produção.

Entre outros fatores importantes, o polo está instalado a cerca de 110 quilômetros de Uberlândia (MG), nos entrepostos de São Paulo a Brasília, e conta com a presença da Ferrovia Centro Atlântica (FCA), que passa por 300 municípios em sete Estados e alcança os portos de Santos (SP) e Vitória (ES).

O distrito é constituído por empreendimentos dos mais diversos segmentos, como o automobilístico, o de cerâmica, de derivados de cimentos, de máquinas agrícolas, de fertilizantes e de metalúrgica, entre outros.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp