15/10/2021 às 17h28min - Atualizada em 15/10/2021 às 17h28min

Caiado anuncia isenção previdenciária a 18 mil aposentados e pensionistas

Benefício vale para quem recebe até R$ 3 mil

A Redação
Governo de Goiás
O governador Ronaldo Caiado anunciou a isenção da contribuição previdenciária dos aposentados e pensionistas do Estado que recebem salários de até R$ 3 mil. Serão 18 mil beneficiados, sendo 11 mil professores.

Durante a cerimônia de boas-vindas de 13 novos membros do Conselho Estadual de Educação (CEE-GO), nesta sexta-feira (15/10), Caiado afirmou que o valor arrecadado será usado no déficit da previdência e na busca de novos benefícios para todos os goianos. Na ocasião, o governador relatou o episódio em que foi abordado por uma aposentada, que mostrou o contracheque e o questionou se era justa aquela situação.

 "Um governante tem que ter, além do cérebro atuando, um coração muito sensível. E quando você anda pelas ruas, nos municípios do Estado, você percebe o que é o sentimento da população. Ali o cidadão deve expressar aquilo que está vivendo", respondeu o Caiado.

“Esse é um esforço que o governador fez desde o início de seu mandato. Vínhamos de uma trajetória explosiva de déficit da Previdência”, afirmou Gilvan Cândido, presidente da Goiás Previdência (Goiás Prev), para quem este empenho muniu o Estado de condições para que essa decisão em fosse possível.

O presidente da Goiás Previdência (Goiás Prev) continuou: “Estamos identificando que a trajetória de crescimento da despesa previdenciária é bem mais otimista e segura do que há algum tempo atrás”, disse Gilvan, que foi além. “Essa decisão de direcionar os recursos da Celg T contribui para que a gente tenha mais segurança. Eu diria que, se eu hoje fosse um aposentado e pensionista, estaria agradecendo-o imensamente por essa decisão”, dirigiu-se a Caiado.

De acordo com Cândido, a medida terá um custo para o Estado de R$ 147 milhões e tem abrangência sobre 18 mil servidores inativos, entre aposentados e pensionistas, destes 11 mil são professores. O quantitativo equivale a 40% dos profissionais do magistério aposentados. “É um esforço grande para dar mais dignidade aos idosos, aos aposentados e pensionistas. Sobretudo, porque, se observarmos a inflação dos últimos 12 meses, cresceu muito e os idosos foram os mais atingidos”, acrescentou.
 
“Hoje eu vou ter que me calar para um fato que eu vi pela primeira vez. O governador vendeu o patrimônio, mas vai colocar no fundo de previdência para melhorar a questão previdenciária dos aposentados e aposentadas”, reconheceu a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (Sintego), Bia de Lima.

Além disso, Caiado anunciou outros benefícios como o pagamento de reajuste salarial e a concessão de ajuda de custo em novembro, para todos os servidores ativos ds Educação.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp