04/12/2021 às 17h59min - Atualizada em 04/12/2021 às 17h59min

CNH Social: confira lista de beneficiados na segunda chamada

Nesta segunda etapa da CNH Social 1.523 pessoas serão beneficiadas.

Dia Online
Heitor Feitosa/VEJA.com

Foi divulgada nesta sexta-feira (3/12) o Governo de Goiás, por meio do Detran Goiás, divulgou a lista de segunda chamada para os interessados no processo seletivo CNH Social. Nesta segunda etapa 1.523 pessoas serão beneficiadas.

Os selecionados podem solicitar a obtenção da primeira habilitação, mudar ou adicionar categorias na CHN de forma gratuita. Os selecionados devem efetivar a matrícula até o dia 20 de dezembro, via internet, e se direcionar aos postos de atendimento presenciais, até o dia 03 de janeiro, para entregar os documentos comprobatórios solicitados.

Sobre a importância do programa, o governador Ronaldo Caiado destaca que a CNH Social é essencial para quem quer “conquistar a tão sonhada carteira de motorista, mas que não têm condições financeiras de arcar com custos ou mudar de categoria”.

Divulgação da lista de segunda chamada

Uma nova oportunidade surgiu para os inscritos na 5ª etapa do programa. Por meio do Departamento de Trânsito de Goiás (Detran/GO), o Governo de Goiás divulgou a lista de segunda chamada dos candidatos selecionados.

As 1.523 vagas remanescentes são destinadas à população de baixa renda. A orientação para o selecionados é que se atentem aos prazos estipulados para que não sejam desclassificados do programa, perdendo o direito de ser beneficiado.

“É a oportunidade de a pessoa ter uma ferramenta para enfrentar o desemprego que estamos vivendo neste momento”, pontuou Caiado ao lembrar que a iniciativa promove a inserção do candidato no mercado de trabalho.
 

Já a coordenadora do programa, Ednalva Garcia, pontua que a orientação é “que os inscritos fiquem atentos e chequem se o nome consta na lista publicada no site da autarquia. Os candidatos que perderem o prazo ou deixarem de apresentar a documentação compatível com as informações prestadas, no momento da inscrição, serão automaticamente desclassificados”.

Após realizar a matrícula, o próximo passo é procurar uma unidade presencial do Vapt-Vupt ou Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) para entregar os documentos solicitados. É neste momento que é realizada a abertura do Registro Nacional de Habilitação (Renach).

Quanto as tarifas referentes ao processo, o programa promove a isenção de todas as taxas. Dentre elas: inclusão no Renach, Licença de Aprendizagem de Direção Veicular, agendamento de prova teórica, agendamento de exame prático, exame médico e psicológico.

Em relação as aulas e cursos, a CNH Social possui parceria com Centros de Formação de Condutores (CFCs), oferecendo o curso teórico de legislação de trânsito, as aulas práticas de direção e até três retestes sem nenhum custo para o aluno.

Mais 52 mil inscritos participaram desta edição. Aqueles que não foram contemplados poderão se candidatar nas próximas edições, desde que se enquadre nos requisitos estabelecidos no edital. A previsão para o ano que vem, é que o programa ofereça mais de 22 mil vagas.

Para acessar a lista de selecionados na 2ª etapa, basta clicar aqui.

Cronograma:

03/12/21 – Divulgação da segunda chamada e abertura da matrícula online;

20/12/21 – Data de encerramento da matrícula online;

3/01/22 – Prazo final para entrega de documentação e abertura do Renach.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp