03/01/2022 às 10h33min - Atualizada em 03/01/2022 às 10h33min

Auxílio Brasil: Veja a tabela com as datas para recebimento do benefício

Ministério da Cidadania informou que as parcelas mensais ficam disponíveis aos beneficiários pelo prazo de 120 dias a contar da data presente no calendário.

Dia Online
Reprodução

O governo federal publicou está semana, no Diário Oficial da União, a tabela com as datas oficiais para o pagamento do Auxílio Brasil, neste ano de 2022.

Para analisar a tabela é preciso ter em mãos o cartão Auxílio Brasil, pois o dia de recebimento para saque ou crédito em conta é baseado no último dígito do Número de Identificação Social (NIS), impresso no cartão do titular.

O Ministério da Cidadania informou que cada dígito final do NIS corresponde um data por mês, desta forma o beneficiário deve ficar atento. Vale lembrar que as parcelas mensais ficam disponíveis aos beneficiários pelo prazo de 120 dias a contar da data presente no calendário.

O inicio dos pagamentos da terceira parcela do Auxilio Brasil, programa que substitui o Bolsa Família, será a partir do dia 18 de janeiro. Confira o calendário abaixo:




 

Auxilio Brasil substitui Bolsa Família após 18 anos

O Auxilio Brasil começou a ser pago no mesmo dia em que a última parcela do auxilio emergencial foi liberada pelo governo federal, no último dia 17 de novembro. No mês dezembro foi iniciado o pagamento do valor mínimo de R$ 400 para todos os beneficiários.

O presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que prorrogava, até dezembro de 2022, o “Beneficio Extraordinário”, assegurando assim o valor mínimo de R$400 por família participante do programa de transferência de renda.

O pagamento do benefício é feito através de uma conta poupança social ou em contas correntes regulares, mas para receber o beneficiário deve estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

Estima-se que em dezembro o pagamento do auxilio chegou à cerca de 14,5 milhões de famílias em todo Brasil. Durantes os trâmites para a implantação do programa, o presidente Jair Bolsonaro vetou uma parte da lei referente ao Auxilio Brasil que proibia a formação de filas de esperar para o ingresso o programa.

Para o beneficiários e população geral que tenham algum tipo de dúvida sobre o Auxilio Brasil, o governo federal disponibilizou três canais de atendimento. São eles:

  • pelo telefone 121, do Ministério da Cidadania,
  • pelo número 111 da Caixa Econômica Federal
  • pelo aplicativo Auxílio Brasil
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp