21/02/2022 às 13h29min - Atualizada em 21/02/2022 às 13h29min

Polícia Civil de Goiandira conclui investigação sobre situação do CTA daquela cidade: três servidores foram indiciados

PC 9ª DRP
PC 9ª DRP
A Polícia Civil de Goiás, através da equipe da Delegacia de Polícia de Goiandira/9a DRP, concluiu hoje o Inquérito Policial instaurado para apurar irregularidades no Centro de Tutela de Animais de Goiandira.

Conforme restou apurado e esclarecido no bojo da investigação da PC, após a análise de farta documentação apresentada pela Secretaria do Meio Ambiente quanto aos gastos realizados no último ano, além de depoimentos de várias pessoas e diligências no local, ficou constatada a falta de controle da população animal (plano de vacinação, castração, separação adequada de animais doentes e agressivos), além de condições precárias de higiene, armazenamento de medicamentos e das rações.

O Delegado de Polícia Victor Margon ressalta ainda que, de acordo com a resolução do Conselho Federal de Medicina Veterinária n° 1236/18 tais condutas omissivas configuram maus tratos, crime previsto no art. 32, pár. 1°- A, da Lei de Crimes Ambientais (Lei 9.605/98).
Por fim, vale também  ressaltar que uma série de melhorias estão sendo implantadas pela Secretaria de Meio Ambiente e que a Polícia Civil continua acompanhando a situação do CTA de Goiandira.

O Inquérito Policial finalizado, com o indiciamento de três servidores, pela suposta prática do crime de maus tratos acima mencionado, será agora encaminhado ao Poder Judiciário.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp