19/07/2022 às 05h12min - Atualizada em 19/07/2022 às 05h12min

Crimes violentos em Goiás têm queda de até 61% no primeiro semestre

Dados são do Observatório de Segurança Pública

A Redação
GOVERNO DE GOIÁS
As estatísticas de violência apresentam redução de até 61% em Goiás no primeiro semestre deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. É o que apontam novos dados do Observatório de Segurança Pública, da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP). O estudo considera crimes contra o patrimônio – que são os roubos em diversas modalidades – e crimes letais – como os homicídios, principalmente. 
 
Nos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), que abarcam os crimes contra a vida como homicídio doloso e latrocínio, o Estado de Goiás registrou queda de 12%. Essa sigla é uma metodologia adotada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública. 
 
O avanço na diminuição das ocorrências também foi verificado nos Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) que apresentaram, no mesmo período, recuo de 17%. Os números são os menores desde que os indicadores de criminalidade passaram a ser aferidos pelo Observatório de Segurança Pública da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), em 2011. 
 

 

 
Na taxa de Crimes Violentos Contra o Patrimônio que inclui todas as ocorrências de roubo consumado, destacam-se as reduções de roubo de veículos (-25%), roubo em comércio (-28%), roubo de cargas (-61%), roubo a transeuntes (-17%) e roubo em propriedade rural (-28%), comparando o primeiro semestre de 2022 com o mesmo período de 2021. 
 
Já nos Crimes Violentos Letais Intencionais o destaque é a redução dos registros de homicídios (-12%). O mês de junho de 2022 obteve a menor taxa desse crime desde o início da compilação dos dados: 68 ocorrências em todo Estado.
 

 

Forças de segurança
No primeiro semestre de 2022, as forças de segurança pública do Estado cumpriram 2.669 mandados de prisão e realizaram 13.310 prisões em flagrante. Nesse período, 601.594 pessoas foram abordadas, 2.593 armas de fogo foram apreendidas e 2.187 veículos foram recuperados.
 
O Corpo de Bombeiros Militar realizou 10.052 ações de busca e salvamento, 43.704 resgates, além do combate a 1.606 incêndios urbanos e 3.034 combates a incêndios florestais nos seis primeiros meses do ano. O Grupamento de Ações e Respostas Rápidas (Garra), implantado em 2019, realizou 1.318 atendimentos na Região Metropolitana de Goiânia. Já o Serviço de Resgate Aéreo completou 102 atendimentos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp