31/07/2020 às 01h54min - Atualizada em 31/07/2020 às 01h54min

Ex-vendedor de laranjinha tenta quebrar polarização política em Catalão

Irmão do prefeito de Ouvidor, agropecuarista Elder Galdino tem 52 anos e é pai de dois filhos; ele diz que sempre gostou de política

Mais Goiás

Catalão deve sair da polarização política dos últimos anos e ter, pelo menos, três pré-candidatos na disputa pela prefeitura, no pleito deste ano. Além do prefeito Adib Elias (DEM), também podem entrar na disputa o deputado estadual Gustavo Sebba (PSDB) e o agropecuarista Elder Galdino (MDB), que conta com o apoio do presidente da sigla, Daniel Vilela.

Elder tem 52 anos, é separado e pai de dois filhos, João e Murilo. O produtor rural foi pra roça há mais de 20 anos. Ainda jovem, foi engraxate, vendeu laranjinha e trabalhou como balconista. Até que comprou algumas cabeças de gado gabiru (um animal tido de raça mais fraca). Mas ali foi o começo e, hoje, ele proprietário da fazenda Mata Preta, em Catalão. “Criação e engorda”, revela satisfeito.

Irmão do prefeito de Ouvidor, Onofre Pereira (Onofrim), Elder diz que o parente, já em segundo mandato, é uma inspiração com grande aprovação na cidade. “Uma das mais belas gestões em Goiás”, diz orgulhoso.

O agropecuarista, que disputa pela primeira vez a prefeitura, disse, inclusive, que entrou nessa, porque sempre gostou de política e das pessoas e que, como prefeito, poderá ajudar Catalão. Segundo ele, a cidade já está cansada da polarização política – que envolve os grupos de Elias e Sebba (Jardel Sebba, pai de Gustavo, também foi prefeito da cidade). “Então, venho como terceira via, para mudar o rumo.”

Saiba mais

Mais Goiás aproveitou o primeiro contato com o pré-candidato para perguntas que, geralmente, fogem da pauta. Uma delas, inclusive, Elder Galdino achou melhor não opinar. Questionado sobre o que achava dos ex e atual presidente do Brasil – Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Lula (PT) e Bolsonaro –, ele pediu para seguir adiante.

Foi perguntado, também, sua opinião sobre o aborto. Sem titubear, ele afirmou que não ninguém pode tirar a vida de ninguém. Já sobre casamento em pessoas do mesmo sexo, ele disse que cada um sabe de si – não é contrário. Revelou, também, que é religioso, católico, mas repeitador de todas as religiões.

Sobre os debates de isolamento social e abertura da economia, Elder não escondeu a dificuldade do tema. Afirmou que é a favor de se basear na decisão de pessoas capacitadas. “O mundo inteiro tem dificuldade de lidar”, relata. “Não adianta tomar uma decisão, emitir um decreto e voltar atrás”, alfinetou, mas sem dizer quem.

Sobre o pleito

Segundo Elder Galdino, as reuniões têm ocorrido de forma remota. Além disso, a atuação nas redes sociais têm ocorrido. Inclusive, ele relata ter recebido o apoio da população, que o tem procurado.

Ele diz haver uma aliança entre PRB e MDB na cidade e que juntos possuem 52 pré-candidatos para as chapas de vereador. Questionado se o vice está definido, ele diz que não. “Ainda estamos estudando.”

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp